Feminista, Laura Neiva evita julgar mulheres por sororidade: 'Se unir'


Feminista, Laura Neiva evita julgar mulheres por sororidade: 'Se unir'

Por: Reprodução

Depois de assumir que já reproduziu machismo, Laura Neiva disse que evita julgamentos no dia a dia por sororidade, expressão designada para narrar a cumplicidade, empatia e apoio mútuo entre as mulheres, mas que gera algumas controvérsias nas redes sociais. "Acredito que com certeza as mulheres estão mais unidas. Tenho uma tendência a julgar muito todo mundo. Em geral somos críticos com muitas coisas, você assiste televisão e crítica ou julga a atuação, como a pessoa está vestida, o jeito que a pessoa fala. E tudo isso sem querer. Tenho tentado parar com isso e separar o que é julgamento e o que é preconceito meu", falou em conversa com o Purepeople.